Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Creme Pimenta

Seg | 04.02.19

Mãe em Greve!

Creme Pimenta
Uma destas manhãs informei as minhas filhas que entregava o pré-aviso e entraria em greve de funções maternais . Em assembleia-geral do recém-criado Sindicato das Mães Unidas (SMU), do qual sou a (única) membro-fundador, decretei que a greve se iria estender pelo período mínimo de dois dias sem gritarias, amuous ou teimosias matinais para o pequeno-almoço e, pelo menos três dias de tréguas relativamente a queixas quanto à roupa e ao acto de passar a escova pelo cabelo, (...)
Sex | 25.01.19

O Instagram e a ode poética

Creme Pimenta
É um fenómeno já com algum tempo, mas sobre o qual decidi me debruçar. O Instagram é a rede social das fotos bonitas. E das fotos de rabos tonificados. Ou de 🍑 (emoji pêssego como escreve, com piada, o marido da Carolina). Mas, that's not my point, que o rabo é de cada um, cada um lá escolherá como o mostrar. E os outros podem escolher seguir ou não. Tudo isto para vos falar dos textos, ah belos poemas, verdadeiras odes poéticas carregadas de frases feitas ou citações de (...)
Seg | 21.01.19

Vida de jornalista

Creme Pimenta
  Quando compras uns chinelos quentinhos (e made in Portugal) e não resistes a experimentar assim que chegas a casa, mas depois lembras-te que és jornalista e hoje há uma assembleia municipal para acompanhar... Isso é,  #vidadejornalista
Dom | 30.12.18

Versa (s)em Verso | Ela

Creme Pimenta
««Ela»» Ela sabia o que tinha de fazer. A certeza estava lá. Tinha surgido no fundo do seu íntimo, como aquelas convicções que nos surgem do nada, mas ganham força e vida em nós. Autónomas e auto-suficientes. Quando tomamos consciência já não são apenas convicção. São certezas. Ela crescera e subira a pulso na vida. Sem depender de ninguém. Sem esperar por ninguém. Nem sempre soubera o que queria, mas a vida encarregou-se de lhe orientar caminho. O rumo. E ela aceitou. (...)
Sex | 28.12.18

Qual a melhor forma de entrar no novo ano? À mesa com os amigos!

Creme Pimenta
Passada a azáfama do Natal (que se parece esfumar em 2 segundos, depois de tantas semanas de ansiedade e preparação), começamos todos a pensar na festividade seguinte: a Passagem de Ano! As propostas e alternativas são muitas e para praticamente todos os tipos de carteira... Se há quem não dispense uma boa festa, com roupa a rigor, também há quem prefira entrar no novo ano da melhor forma, mas sem a formalidade de uma festa de gala. À mesa com os amigos é a minha fórmula preferida!
Sex | 28.12.18

O que não pode faltar à mesa de Natal?

Creme Pimenta
Além dos óbvios bacalhau, couves e batatas, bem regados com azeite (ou cá em casa com molho de cebola bem refogada no azeite), partilhada por parte da família da mesma travessa (tradição da família do marido que eles mantêm cá em casa), começa a ser já tradição por cá algumas das sobremesas que não podem faltar. O Tronco de Natal, receita da querida